Caminho de paz!

Quando Deus toca minh’alma eu me alegro e rejubilo.
No íntimo de meus desejos nasce a mecha de um fogo
que ilumina e ilumina tudo, como se eu,
uma pequena e pobre criatura dos recantos da escuridão,
começasse a existir apenas agora.

Ah, quando Deus toca minh’alma eu me silencio
meu coração se enche de luz.
Uma luz branda e doce que acaricia meu corpo
e é como se eu, entre milhões de exilados,
fosse trazido de volta pra casa.

Quando me recordo dos dias passados,
recolho os momentos que vivi com Deus
em pequenos  cadernos de anotações.
Trilho um caminho de paz interior
e me abro para os mistérios que virão.

Deus, de infinita destreza e amor,
eu te agradeço por tudo.

Ronaldo Sérgio

Anúncios
Esta entrada foi postada em Poesias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s